Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2010

Torcida coral tem a maior média de público do Brasil

Mesmo longe dos grandes jogos, já que o Mais Querido foi desclassificado precocemente do Brasileiro, a torcida do Santa Cruz continua sendo destaque na imprensa nacional. Dois meses depois de atingir a marca de 30.243 torcedores em média por jogo, o Tricolor não conseguiu ser alcançado por nenhum tipo Brasil.

Nem a Fiel corintiana, nem os líder Fluminense, muito menos, a torcida rubro-negra. O clube que ostenta a melhor média de público entre os campeonatos brasileiros, neste ano, disputa a famigerada Série D. É a torcida do Santa Cruz, que está dando, mais uma vez, uma prova de amor ao seu clube.

Confira os 10 melhores do ranking de público do Brasileiro:

1º Santa Cruz/PE 30.243
2º Corinthians/SP 27.111
3º Ceará/CE 22.604
4º Fluminense/RJ 21.993
5º Bahia/BA 18.738
6º Grêmio/RS 18.736
7º Sport Recife/PE 17.831
8º Flamengo/RJ 17.826
9º Internacional/RS 16.920
10º Atlético/PR 16.738

O dia em que o sorriso mudou São paulo

Nossas atitudes, por menores que sejam, podem tornar o mundo melhor. Jogar papel no lixo, pedir licença pra pegar um produto no supermercado, um "obrigado", um pedido de desculpas e, mais ainda, um "sorriso" podem salvar o dia.

Pequenas atitudes ajudam a construir um mundo melhor. Pense nisso. E uma vida "Brastemp" pra você também!

Você sabia?

Compre essa idéia!

Nas rodas de conversa com os amigos, em casa com a família, na frente do computador ou em quaisquer outros momentos do nosso dia-a-dia, já sentimos a necessidade de contribuir com um mundo melhor. E, nesse sentido, o Greenpeace apresenta uma maneira bem fácil, para dar nossa colaboração visando minimizar os efeitos em cadeia que ajudam na degradação do planeta.Em tempo o Programa BlackPixel foi desenvolvido aqui em Pernambuco, pelo C.E.S.A.R - Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife. E não precisa se preocupar pois o pixel não atrapalha sua visualização e, ainda, você pode movimentá-lo para qualquer lugar na tela.Mais informações: www.greenpeaceblackpixel.org

Inocente entre aspas

Culpado entre parenteses

Hoje, mesmo com muita gente ao redor(almocei num shopping, fui a uma caminhada no centro do Recife) me senti só. Mesmo ao lado de pessoas amigas; mesmo revendo e reencontrando pessoas de um passado próximo, me senti só. Mesmo ao lado de minha família, me senti só.

Culpa minha. Passei a agir me-to-di-ca-men-te: racionalidade em carne e osso. Os problemas tomaram conta de mim (é... devia levar a sério a música "Não me conte seus problemas..."), os sonhos ficaram de lado (sonhar pra quê?)Dediquei meu tempo a busca, de forma racional e lógica, pelas soluções dos meus anseios e necessidades.

E o que aprendi e levei como veredicto? Por ser racional e metódico (coisas que nunca fizeram parte de minhas escolhas) me isolei e foi motivo de me sentir só.

Que a indignação leve à ação.

Texto da poetisa Cleide Canton, declamado por Rolando Boldrin, teve inspiração no discurso de Rui Barbosa, em 1914. Ou seja, quase um século atrás, mas infelizmente, ainda atual.

"Eu fiquei indignado
Ele ficou indignado
A massa indignada
Duro de tão indignado

A nossa indignação
É uma mosca sem asas
Não ultrapassa as janelas
De nossas casas".


SKANK

Síntese do que sinto.

"Se discordas de mim, tu me enriqueces."Dom Helder Câmara

Darcy Ribeiro em seu livro O Povo Brasileiro, tratou e discutiu sobre a formação do povo brasileiro: "como viemos fazendo a si mesmos para ser o que somos hoje?" Já o ex-governador Miguel Arraes, em dos textos do livro O Jogo do Poder no Brasil, traz também uma discussão sobre a formação do conceito de Estado e Nação no nosso país: "No Brasil o Estado deixou de estar a serviço da sociedade. Afastou-se dos problemas humanos. Desligou-se da Nação."
Ambos buscaram entender como que os valores, cultura, a miscigenação e formação econômica do país interferiram no povo que somos hoje.
E por qual motivo trago aqui algumas leituras que tenho feito ultimamente? Pra mostrar que somos um país contraditório. Somos um Estado sem sentimento de Nação. Ou melhor, só nos sentimos Nação de quatro em quatro anos, nas Copas do Mundo, ou nas grandes tragédias.
O exemplo claro e próximo foram as últimas postagens, precon…

Dilma se elegeu sem precisar do Norte/Nordeste

A sensação de que a petista Dilma Rousseff foi eleita apenas em razão da vantagem aplicada nas regiões Norte e Nordeste é falsa. Levantamento com base nos dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) revela que ela ganharia a eleição mesmo se fossem computados apenas os votos do Sudeste, do Sul e do Centro-Oeste.

Nesta segunda-feira (1º), o termo "#orgulhodesernordestino" ficou entre os mais citados no microblog Twitter. Foi uma reação a comentários considerados preconceituosos de eleitores do Sul e do Sudeste, contrários à candidata petista, que creditaram a vitória de Dilma aos votos do Nordeste.

Dilma teve mais de 55 milhões de votos no país; Serra teve pouco mais de 43 milhões. No Nordeste, a vantagem de Dilma foi elástica: 18,4 milhões de votos, contra 7,7 milhões do tucano. No Norte, ela venceu por 4 milhões contra quase 3 milhões de Serra.

Se todos os eleitores das regiões Norte e Nordeste forem excluídos da conta, no entanto, a petista ainda aparece na frente. Na soma de …

Você sabia?

Ainda vão (os patrulheiros) achar que estou mandando uma mensagem subliminar...

Patrulhamento ideológico ainda existe...?!

Patrulhamento ideológico, segundo o wikipédia é: uma organização informal de pessoas unidas por laços ideológicos ou religiosos, que tem por objetivo de impor seus ideais a outro grupo de pessoas, munindo-se de discursos, protestos e reivindicações.

Engraçado que sempre fui contrário a todo e qualquer tipo de imposição mas ultimamente, na vera ou na brinca, venho sendo alvo dos donos da verdade, querendo impor seus pensamentos e vontades. Minha resposta, como sugere texto do blog pensar enlouquece é o humor.
Em tempo: Pra melhor visualização clique na ilustração. As ilustrações deste post são de Leandro Caracciolo. Além de retratarem com precisão o espírito que assolou muitos dos militantes nestas eleições, são a melhor prova de que, numa discussão, não há contra-argumento mais certeiro do que o bom humor.