Pular para o conteúdo principal

Abril pra valer.

"Recomeçar... hoje é um bom dia para começar novos desafios..."
Abril - Etimologia
Abril é o quarto mês do calendário gregoriano e tem 30 dias. O seu nome deriva do Latim Aprilis, que significa abrir, numa referência à germinação das culturas. Outra hipótese sugere que Abril seja derivado de Aprus, o nome etrusco de Vênus, deusa do amor e da paixão. Outra versão é que se relaciona com Afrodite, nome grego da deusa Vênus, que teria nascido de uma espuma do mar que, em grego antigo, se dizia "abril".

Abril - Na história
Alguns eventos importantes que aconteceram em abril:
• 2 de abril de 2005 - Morre o 263º Papa, João Paulo II.
• 5 de abril de 1994 - Morre o músico e compositor, líder do Nirvana, Kurt Cobain .
• 6 de abril de 1909 - Descobrimento do Pólo Norte, por Robert Peary.
• 6 de abril à 7 de abril de 1827 - Batalha de Monte Santiago: episódio da Guerra da Cisplatina - divisão naval Argentina é destruída pela Marinha Imperial do Brasil próximo ao litoral argentino.
• 11 de abril de 1919 - Criação da Organização Internacional do Trabalho (OIT).
• 16 de abril de 1992 - É fabricada a última unidade do Chevrolet Opala, sendo esta a de número 1 milhão.
• 20 de abril - Nascimento de Adolf Hitler.
• 21 de abril de 1985 - Morre Tancredo Neves.
• 22 de abril de 1500 - "Descobrimento" do Brasil por Pedro Álvares Cabral.
• 26 de abril de 1564 - Nascimento de William Shakespeare.
• 23 de abril de 1616 - Morre William Shakespeare.
• 25 de abril de 1974 - Revolução dos Cravos em Portugal.

Abril - pra mim
Abril pra mim é recomeço...talvez por ser mês de aniversário. Na verdade as coisas sempre começam a dar certo, a fluir, seja no trabalho, na vida pessoal, afetiva...na realidade todos os projetos que início nesse mês dão bons resultados. E mais ainda, vale mais uma vez, recomeçar a reescrever a história do nosso Diálogo de Roda. São três anos de conversas, desabafos, confissões e afirmações das coisas que gosto, que acredito e que busco. Viva abril, mãos à obra.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Zé Amaro

Um grande amigo faleceu ontem, aliás mais que amigo, um companheiro que herdei das relações dos meus pais, e que soubemos nos cativar. Mais que qualquer rótulo, seja do sociólogo, do perseguido político, do alvirrubro, socialista, Zé foi uma das referências pra minha geração, aqui em minha paróquia. 

Nossas conversas sempre giravam em torno do bem maior, da construção de uma cidade, de uma sociedade melhor. Tivemos grandes discussões, mas sempre deixamos as divergências e discussões em segundo plano. O que nos movia e unia era bem maior que quaisquer diferenças. Segue em paz Zé, que aqui a gente vai continuar tua luta.


Zé Amaro - O "Baixo"

Teu nome sugere um passado de lutas.
Teus amigos demonstram um futuro de saudade,
Quem foste tu? Bravo soldado! Velho infante!
Sei que foste importante, porque foste e viveste a história.
Teu semblante refletia cicatrizes
De um passado de conflitos,
De uma juventude que se fez importante.

Teus ideais...
...alguns já calaram, outros vingaram
mas todos …

Entre o id, o ego e o super ego

Nosso blog diálogo de roda tem um caráter de falar sobre nada e tudo ao mesmo tempo agora. Portanto, depois de quase um mês de uma discussão no trabalho, prometi escrever algo sobre como estão estruturadas as nossas personalidades, segundo Freud. Ou seja, falar sobre ID, EGO e SUPEREGO.

Lembro que na época da faculdade, pagando uma das cadeiras de psicologia, procurei uma forma para melhor entender essas estruturas e criei uma historinha.

Imaginem e se coloquem em cena: é terça-feira, 18 horas. Saindo do trabalho, morto de vontade de chegar em casa e relaxar. Pego o elevador, nele estão um senhor, autoritário, arrogante, puritano, um autentico conservador e uma bela mulher, loira (é melhor acabar com essa fixação por loiras, posso ser processado por discriminar as morenas, negras e ruivas e ainda tem a minha morena jambo que pediu pra escrever sobre ela) por volta dos 30 anos (pelo menos aparenta), linda, com um sorriso encantador, olhar sensual...

... mas continuando, o elevador pára…